dojo@Centro 20/02/2013: Empilhar caixas – O retorno

Olá pessoas queridas. Tudo bem com vocês?

No dia 20 de fevereiro, retorno do dojo de carnaval, refizemos um problema que já tinhamos abordado em novembro/2012 (mas não teve post, por isso pedimos desculpas). Para quem quiser ver o que fizemos no ano passado, o código é este aqui.

O problema é o bastante intuitivo: temos várias caixas e cada caixa tem um peso P e uma capacidade C. Para empilhar as caixas, devemos garantir que a caixa suporte  a caixa de cima, ou seja, que a capacidade C seja igual ou maior que o peso P. Sabendo disso, tendo um conjunto de caixas, qual é o número máximo de caixas que conseguimos empilhar?

A solução que obtivemos desta vez é esta aqui. Caso não entenda como chegamos a esta solução, este é o link do histórico dos commits (está no último botão da versão que aparece como solução final), assim é possível acompanhar tudo o que foi feito 🙂 (mas qualquer coisa, é só comentar ou mandar email para o grupo)

E os empilhadores foram:

  • Thiago Belem
  • Juan Lopes
  • Flávio Amieiro
  • Edson Pinages
  • Israel Teixeira
  • Jacqueline Abreu
  • Willian Oizumi
  • Otávio Cardoso
  • Leandro Thimóteo
  • Carlos Cunha
  • Jonathan Santos

E as pilhas com muitas caixas, vulgo carinhas felizes foram:

  • Problema ++++++++
  • Pessoas Novas +++++++
  • Pessoas novas pilotando
  • Evolução da solução de um problema já feito anteriormente ++
  • Foi divertido ^.^
  • Casa CHEIA +
  • Explicação de TDD feita pelo Israel e o Juan – explicação conhecida a partir dai como as “TDD com as Aeromoças do Dojo@Centro”
  • Biscoitos “da padaria da Jac” – Lá Panneteria da Tijuca – Rua Radmaker, 53 ++
  • Salgadinhos “do José” +
  • O dojo ocorreu direito, sem confusões, mesmo com bastante gente e isso é muito bom.
  • Python ++
  • Clima legal
  • Pessoal antigo
  • Volta do dojo após o carnaval
  • Jonatas Emídio e Leandro Thimoteo de volta e a vinda do José
  • “Eu…guento” – Perola do dojo de hoje
  • Discussão saudável e divertida
  • Dinâmica do dojo +++
  • Presença de novato de Maringá
  • Participação de todos
  • Key +
  • Ajuda dos presentes em dúvidas na linguagem caso o piloto precisar
  • As pessoas e o dojo aceitam sugestões
  • Dojotimer

As caixas espalhadas no chão e ninguém quer arrumar a bagunça, vulgo carinhas tristes foram:

  • Apesar de gente nova ter pilotado, ainda teve gente tímida
  • Tempo
  • Sublime atrapalhando na desenvolvimento
  • Muito barulho
  • Muitos “foras”
  • Constante “infinita”
  • Chegar atrasado
  • Não teve mate
  • Perda da aula de TDD com as aeromoças do dojo
  • Horário pessoal (e por isso chegar tarde no dojo)
  • O dojo começou tarde – demora para escolher o problema +
  • O quadro ainda não foi mudado e ainda está insuficiente
  • Carnaval – o dojo não deveria parar nunca (Apoiado)
  • Coca cola demais, outras bebidas de menos
  • Não poder ficar para o pós dojo (recomendamos fortemente que as pessoas fiquem para o pós dojo)
  • Aceleramos no final e aparentemente, algumas pessoas não acompanharam a solução
  • Não lembrar como é o infinito (em python)
  • Pouca comida
  • Pessoal foi um pouco grosseiro
  • No final, esquecemos dos novatos
  • Gente falando no vermelho
  • Não teve panificação Bel[eé]m hoje

Sugestão: Deveríamos filmar a retrospectiva

E para quem quiser estar conosco no dojo@Centro é só vir e entrar na  Íparos – Av Treze de Maio, 13 – 6° andar – Cinelândia, a partir de 18:30. TODOS SÃO BEM VINDOS e qualquer dúvida, sugestão ou qualquer outra coisa, nós vemos os comentários e temos um grupo (grupo do gmail) – fiquem completamente a vontade para participar do dojo, da lista (vulgo grupo) e tudo mais \o/.

Até a próxima quarta :D o/

Anúncios

Comentários encerrados.

%d blogueiros gostam disto: