DojoRio@Niterói – 12/08/2010

Pessoal,

Faz tempo que não colocamos posts aqui no blog sobre as sessões de Dojo que ocorrem em Niterói. Mas, mesmo sem colocarmos por aqui, elas continuam acontecendo com todo vapor. Um exemplo disso foi a última sessão que aconteceu nessa última quinta-feira na UFF.

A sessão foi bastante importante pois foi a primeira sessão que contou com professores do curso de Ciência da Computação da UFF. Estavam presentes os professores Leonardo Murta e Vanessa Braganholo. Os dois não só estiveram presentes como se aventuraram como pilotos e co-pilotos no Dojo. Melhor do que a presença dos dois, é o motivo que levaram os dois a participarem do encontro. Ambos estão pensando em utilizar o Dojo como mais uma ferramenta de ensino nas suas disciplinas. Demais, não?

Além dos professores, tivemos algumas caras novas e um pessoal que não vinha faz muito tempo voltou a comparecer. O problema escolhido foi o do Jokenpo porque acreditamos que ele é bem interessante para ser usado com pessoas que participam do Dojo pela primeira vez. Os 16 presentes foram:

Os pontos positivos foram:

  • Presença dos professores ++
  • Todos programaram +++++
  • Conseguir o projetor
  • InfoMarka em peso
  • Novos integrantes ++++
  • Pós-dojo com Móveis Coloniais de Acaju
  • Ver pessoas que apoiam o Dojo e querendo levá-lo para o ambiente acadêmico +
  • Aprender bastante sobre Python +++
  • Ter sido em Python +
  • Aprender sobre boas práticas de programação +
  • Bastante gente ++
  • Pessoal antigo que estava sumido +
  • Papel da retrospectiva do Moulin ++++++
  • Comida ++
  • Refatoração +++
  • Código resultante
  • Problema ++
  • Terminar o problema ++
  • Paciência dos gurus da linguagem
  • Ambiente muito acolhedor para novatos
  • Aprendizado útil para os cursos
  • Ver meus alunos aqui
  • Conhecimento adquirido
  • Os novatos são os melhores +
  • Várias estratégias exploradas
  • Suspiros quando o código velho é apagado
  • Respeito com o vermelho

Os pontos para melhorar foram:

  • Touchpad do notebook com o clique desabilitado
  • Demora para começar ++++++++
  • Arrumação da sala
  • Ter que correr atrás do projetor na hora +++
  • Atraso +++
  • Vir mais
  • Falatório no vermelho +
  • Faltou o mouse +
  • Ignoraram a Coca
  • Demora para propor uma solução limpa para o código
  • Professores e alunos são iguais. Todos são participantes!
  • Alguns pilotos falaram em voz baixa
  • Esquecer a comida
  • Post no blog
  • Dependência de uma pessoa para conseguir isso ou aquilo +
  • Problema
  • Fazer em outra linguagem diferente de Python ++

Como podemos ver pela retrospectiva, foi uma sessão bastante interessante porque a galera colaborou muito para ela ser produtiva. Nos vemos então no próximo encontro.

Até a próxima!

Anúncios

One Response to DojoRio@Niterói – 12/08/2010

  1. Marcos Sousa disse:

    Que bacana!

    Dia 28/07 terá DOJO ou #horaextra aí no Rio! Estarei aí no Rio neste neste final de semana e gostaria de participar 🙂

%d blogueiros gostam disto: