Dojo@IFF em Junho! Edições [11][12][13] e [14]

Começamos com o dojo aqui no IFF no final do ano passado. Tivemos férias, voltamos… E paramos por quase 2 meses! 😦

E a lista DojoRio crescendo, agitada, cheia de idéias, sempre interessante…

O tempo estava curto, ainda está muito curto. Mas enfim voltamos mesmo! Com vontade! \o//

Com o mesmo objetivo de nos divertir e aprender juntos! (admito, eu estava com saudades!)

No post anterior falei das edições antigas (que demoramos a relatar) e nesse vou falar das quatro últimas edições mais atuais -o último mês- e agora vamos manter os relatos Dojo@IFF semanais!

.

Dia 09-06-2010

Problema: Palavras Primas -> Código / Fotos

Fizemos o Dojo numa linguagem exclusiva (HÁ!).

Foi em Coral, uma adaptação do Python que o ‘traduz’ para português!

A galera toda curte escrever python e poder fazer isso no nosso idioma foi bem legal!
O Dojo foi show! A Coral não é usada ainda, então, colocá-la a prova foi bem interessante.
O bom de ter usado a Coral: encontramos alguns erros! rs Isso foi bom porque foi legal vê-los serem corrigidos e entender como os comandos python são sobrescritos por ela e saber um pouquinho de como ela foi criada (com a presença ilustre do criador da parada! Valeu, Gustavo).
.
O problema Palavras Primas foi um que o Mario Jorge Valle vinha pedindo há muitos Dojos (a parte engraçada: ele pede esse problema há vários Dojos e nem participou desse em que, afinal, decidimos fazer!).
O problema funciona assim: para descobrir se uma palavra era prima, nós tivemos que atribuir um valor para cada letra da palavra, seguindo a ordem alfabética (A=1; B=2; C=3 …) e depois verificar se a soma das letras era um número primo.
Um problema bem simples, mas que foi legal de ser desenvolvido pois a maioria da galera presente tava começando a programar há pouco e também a participar do Dojo, então todos puderam participar e opinar bastante (Bem no clima que a gente curte :D)
Concluí­mos o problema, com um pequeno ‘roubo’ do Gustavo no final (que ficou 2 tempos no teclado!)
.
Foi bem legal para o recomeço dos Dojos do IFF! E esperamos mais para os próximos e contamos com a galera toda para dar continuidade e frequência!
.
Retrospectiva:

Well, well
  • Usamos Coral (linguagem nova e exclusiva, mas isso também foi ruim!)
  • Todos participaram
  • Corrigimos bugs na linguagem
  • Resolvemos o problema

WTF?

  • Gustavo roubou no final
  • Usamos coral (ruim por causa dos bugs, mas isso também foi bom!)
  • O note que usamos tava dando uns bugs malucos
  • Atraso no início e no fim
Participantes:
Caio
Gustavo
Marianna
Rebeca

Ricardo

Dojo 09-06-2010

Participantes do IFF do dia 09-06-2010

.
Dia 16-06-2010

Problema: Happy Numbers -> Código / Fotos

Tivemos um problema muito interessante nesta quarta-fria-feira!
Por coincidência, pegamos o mesmo problema que o pessoal do Dojo@Niteroi pegou no dia seguinte, o Happy Numbers, trazido pelo RuhanFA.
.
Resolvemos com recursividade (cŕeditos aqui ao DouglasCamata que mandou bem nesse Dojo =D) e muita discussão em grupo sobre o problema!
Aprendemos algumas coisas legais do python (tinha malucos lá querendo usar reduces, lambdas, milhões de list comprehensions… rs)
Uma coisa legal nesse Dojo foi o uso da should-dsl para fazer as expectations, fazendo os testes ficarem mais bonitos e legíveis, como esse:
.
def test_felicidade_de_um(self):

Numero(1) |should| be_feliz

.

Retrospectiva

(7) = Happy

  • Problema legal =)
  • Muita gente
  • Clean Code
  • Discussão legal
  • Shoul-dsl
  • Hora extra com lanchinho \o

(2) = Unhappy

  • 2 pessoas não programaram
  • Falatório em momentos errado
  • Atraso no início e no fim

.

Participantes:

Caio
Douglas
Eduardo
Felipe

Rebeca
Ricardo
Rodrigo
Ruhan

Yasmim

Participantes do Dojo IFF de 16-06-2010

.

Dia 23-06-2010

Problema: Roleta Romana -> Código

Dia de brincar de Roleta Romana. Um outro problema bem legal trazido pelo RuhanFA.
A temática de ‘brincar de matar’ deixou os loucos presentes -me incluo aqui- bem animados e só saímos de lá as 21:30h!!! (meio psicopata isso… rs)
Ficamos um tempo analisando as entradas, definindo bem como seria a saída, o nome dos métodos e toda a estrutura do programa… Ok.
Ficamos tentando fazer com baby steps como manda o figurino, mas foram se formando ifs e mais ifs e então acabamos caindo na questão que sempre detona tudo: deixamos os baby steps pra lá e fomos tentar resolver tudo de uma vez. Vieram idéias de um jeito, de outro, de outro… E acabou que, devido a complexidade, acreditamos que chegamos a uma solução próxima a final, mas… Os testes feitos no Dojo acabaram  não passando! Mas mesmo que não terminados, assim eles estão postos no GitHub.
.
Eu acabei o Dojo intrigada e resolvi fazer os testes passarem…. Então, o código com os testes passando, está aqui (foi por pouco mesmo, como imaginávamos!).
.
Retrospectiva:

Vivo

  • Maneiras diferentes de resolver o mesmo problema
  • Problema desafiador
  • Respeitamos as regras de falar/não falar nas horas corretas
  • Bastante discussão sobre o problea
  • Extrapolamos muito! (1 hora!) o tempo

Morto

  • Ver um problema mais fácil para a próxima, que dê para usar baby steps
  • Pouca gente
  • Não usamos should-dsl
  • Sem #horaextra
  • Começou tarde de novo
  • Extrapolamos muito! o tempo
  • Algumas pessoas foram embora antes do fim do Dojo
  • Sem foto =(

Participantes:


Dia 30-06-2010

Problema: WaterFlow -> Código / Fotos

O último Dojo do mês foi um Dojo bem rápido, com poucas pessoas, mas não menos interessante por isso!!!
O problema abordado ‘WaterFlow’ foi trazido pelo Weslleymberg.
Resolvemos ficar com uma abordagem bem simples do problema, pois tinhamos hora marcada para terminar.
Até onde nos propusemos fazer, terminamos. E o que fizemos foi: Tinhamos como entrada a quantidade de agua presente em dois recipientes, e considerando que tinhamos um cano que os ligava, tinhamos também que entrar com o fluxo de água suportado pelo cano por segundo. A resolução do problema foi determinar, num tempo X, qual seria a situação dos dois recipientes de água.
.
Como ficou simples, tivemos a idéia de continuar o problema no próximo Dojo, uma vez que julgamos que não vai ser difícil para a galera que não participou desse acompanhar a continuação! A idéia é tratarmos de um número X qualquer de recipientes, com um número Y qualquer de canos interligando-os.
Foi legal pois como tinha pouca gente, deu para cada um pega no teclado várias vezes e facilitou que as regras fossem cumpridas. Também fizemos com baby steps e vai ser possível continuar no próximo Dojo sem perda da idéia de que todos os presentes estejam totalmente cientes do problema completo e sua resolução.
.
PS: Foi o Dojo com maior índice relativo de mulheres de todos os tempos: 50% (rs)
.
Retrospectiva:
Flui
  • Finalizamos o que nos propusemos do problema
  • Pouco atraso
  • Pouca gente! (foi bom isso!)
  • Todo mundo programou
  • Respeito as regras
Não fluiu
  • Namoro do Dojo (nem teve isso, mas mandaram eu registrar..)
  • Pouca gente! (isso é ruim também…)
  • Estamos de novo sem sala definida (Dojo nômade!)
  • Sala com cheiro ruim
  • #HoraExtra (na verdade… #MinutosExtras! :D)
Participantes:

.

Participantes do Dojo de 30-06-2010

.

Até a próxima semana! 😀

Anúncios

Uma resposta para Dojo@IFF em Junho! Edições [11][12][13] e [14]

  1. parabens galera! show de bola!!!

    ps: dojo@campos formando casais =x

%d blogueiros gostam disto: